domingo, 22 de maio de 2011

Especial Sociedade da Justiça da América - Parte III: Retornos

No capítulo anterior, foi mostrado como a Crise nas Infinitas Terras afetou a Sociedade da Justiça da América, modificando sua origem e membros. Após a Crise, os membros da equipe, para evitar o Ragnarok, ficaram presos para sempre no Limbo travando uma batalha sem fim em que sempre venciam. A Corporação Infinito, composta pelos herdeiros da equipe há alguns anos atrás, continuou o legado heróico do grupo da Era de Ouro. A Sociedade continuou no limbo até 1992, quando uma conjunção de fatores fez a DC Comics rever sua política. Primeiro, o sucesso razoável da minissérie Justice Society of America em 8 partes, cujos eventos transcorriam no passado. Depois o estrondoso sucesso de Armageddon 2001 que possibilitou uma continuação chamada Armageddon: Inferno, onde Tempus resgatou a SJA. Felizmente, a SJA voltaria num novo título que faria muito sucesso misturando velha e nova geração. Confiram:

Armageddon Inferno: O Segundo Retorno
A volta da Sociedade da Justiça da América ao Universo DC aconteceu na minissérie Armageddon:Inferno onde herói Tempus, aconselhado por Espectro, resgatou a SJA para que o grupo pudesse deter o demônio Abraxis e seus asseclas, que ameaçavam todo o Universo. Por fim, após serem crucias na derrota do demônio, Tempus acha injusto devolver os heróis para a dimensão do Ragnarok, e assim, Sandman, Sandy, Doutor Meia-Noite, Flash, Lanterna Verde, Johnny Trovoada e Relâmpago, Homem-Hora, Starman Átomo, Pantera, Gavião Negro e Mulher-Gavião se viram livres da batalha eterna no limbo quando Tempus os substituiu pelos soldados de Abraxis. Assim, a Sociedade da Justiça estava de volta ao Universo DC. Após a conclusão de Armageddon: Inferno, a SJA ganha pela primeira vez uma nova leva de aventuras na revista regular Justice Society of America, escrita por Len Strazewski.
As novas aventuras da Sociedade da Justiça exploravam as dificuldades da velha equipe para se adaptar aos novos tempos e serviram para mostrar que os heróis haviam envelhecido, com a calvície adiantada e cabelos grisalhos, ao mesmo tempo que forneceram mais uma explicação para sua eterna vitalidade: um efeito colateral do exílio no limbo. A equipe foi composta pelos membros originais e contou com participação especial do Doutor Meia-Noite, Liberty Belle, Johnny Quick e sua filha Jesse Quick.

Zero Hora: O fim da SJA?
As histórias inocentes da Sociedade da Justiça não encontraram espaço nos quadrinhos dos anos 1990, cheios de tramas realistas de moral ambígua e músculos exagerados. A DC cancelou Justice Society of America. E o pior veio em seguida. Lançada em 1994, Zero Hora: Crise no Tempo, de Dan Jurgens, tinha como objetivo corrigir problemas de continuidade causados pela Crise nas Infinitas Terras. Infelizmente, a SJA foi considerada um destes “problemas” e foi praticamente extinta.
Recrutados por Tempus para lutar contra Extemporâneo no Ponto de Fuga, os membros da equipe foram massacrados pelo inimigo.O vilão brutalmente assassinou Átomo, Doutor Meia-Noite I e Homem-Hora (Mais tarde, foi revelado que o Homem-Hora que morreu nas mãos de Extemporâneo era na verdade o andróide vindo do Século 853, que se disfarçou como o original, para que este pudesse sobreviver e encontrar sua família).Em seguida, Extemporâneo envelheceu os membros restantes, menos Alan Scott, que foi protegido pelo Coração Estelar. Além disso, longe dali, Gavião Negro e Mulher-Gavião foram fundidos a todas as suas versões, formando uma nova. Infelizmente a alma da Mulher-Gavião não resistiu a fusão.
Jay Garrick envelhecera também, mas graças à Força de Aceleração agindo nele, sua vitalidade seria regredida aos poucos à casa dos 50 anos. Já Pantera, ele chegou a ter um enfarte, mas foi salvo a tempo de sua vitalidade se estabilizaria na casa dos 50 anos, graças às 9 vidas que ganhara nos anos 40. A partir daí, a equipe se aposentou e se reuniria apenas em eventos de porte gigantesco que afetassem a existência de todo o globo, tal como a Noite Final, ou o Dia de Julgamento. Por essa época, Alan Scott assumiu a identidade de Sentinela e foi estabelecido que a Mulher Maravilha que atuara com a SJA na 2ª Guerra era a rainha Hipólita, mãe de Diana, chegando a ter um caso com Pantera nos anos 40.

Ressurgimento: Nova Era
Em 1999, James Robinson e David Goyer, que vinham conduzindo a revista Starman, assumiram um novo título da Sociedade da Justiça, chamado simplesmente JSA, e promoveram uma renovação na equipe aos misturar várias gerações.

No primeiro arco, que serviu para formação da nova equipe e se desenvolveu nas edições JSA:Secret Files & Origins #01 e JSA #01 a 04, Wesley Dodds, o Sandman da Era de Ouro, decide abrir mão de sua vida para atrasar o místico Lorde Negro, que está procurando a próxima encarnação do Sr. Destino. Na sequência, o Lorde Negro mata Kid Eternidade. Com a morte de Wesley, os membros remanescentes da equipe original e outros se unem mais uma vez em seu funeral. Comparecem Sand (antigo Sandy), Ted Grant (Pantera), Jack Knight (Starman VII), Ted Knight (Starman I), Jay Garrick, Alan Scott, Johnny Trovoada ( idoso e sofrendo de Mal de Alzheimer), Hipólita, Sideral II, Homem-Hora andróide, Esmaga-Átomo (antigo Nuklon) e Canário Negro. A cerimônia é interrompida pela chegada de Destino, o substituto rebelde do Sr Destino após os eventos de Zero Hora, assassinado com uma adaga mística e o ataque dos Filhos de Anúbis. Após a derrota dos seres, Escaravelho surge e anuncia que o fim do mundo está próximo e somente a SJA poderá impedir. Escaravelho explica que Sr. Destino está próximo a reencarnar em um novo ser humano, e que o Lorde Negro pretende descobrir quem é esta pessoa. A equipe acaba encontrando a nova Mulher-Gavião (Kendra Saunders, que é a reencarnação da Mulher-Gavião da Era de Oura e sobrinha-neta de um aventureiro da Era de Ouro) roubando o filho bebê de uma mulher em coma. O bebê é filho dos Titãs Rapina e Columba II.

O Lorde Negro ataca e sequesta a criança, revelando-se Mordru. Por fim, numa batalha na Torre do Senhor Destino, a alma de Hector Hall, filho de Gavião Negro e Mulher-Gavião, entra no bebê, que envelhecido, torna-se o novo Sr Destino, possibilitando a derrota de Mordru. Nas comemorações a Sociedade é reestruturada e Sand é nomeado pelo Sentinela o novo líder. A nova encarnação da SJA é: Flash, Senhor Destino, Jack Knight, Sand, Homem-Hora do séc. 853, Canário Negro II (filha da original), Mulher-Gavião, Esmaga-Átomo, Sideral II (herdeira dos legados de Starman, Sideral e Listrado), Pantera e Sentinela.
Ainda em 1999, tivemos Crise Interdimensional (JLA # 28-31, publicado no Brasil em Superman Premium # 04 de janeiro de 2001 da Editora Abril), saga que colocou Sociedade da Justiça e Liga da Justiça juntas novamente, desta vez para impedir o ataque de um gênio maligno da 5ª Dimensão, que havia se unido ao herói renegado Triunfo. Nesta história, temos o retorno de Relâmpago, que agora passou a ser controlado pelo garoto Jakeem Trovoada, que visitou o asilo onde Johnny estava internado e pegou a caneta onde o gênio é armazenada. Por fim, após ser revelado que Qwsp, antigo personagem da 5ª Dimensão coadjuvante de Aquaman, estava por trás de tudo isto e este ser derrotado, ocorre a fusão dos dois gênios e tudo fica bem. No futuro, Jakeem e Relâmpago se tornariam membros da SJA. Crise Interdimensional foi escrita por Grant Morrison.

A Sociedade da Justiça estava de volta. Os anos 1990 se encerravam e os anos 2000 estavam começando, prometendo gratas surpresas para a equipe, que logo ganhou Geoff Johns como roteirista, mas isto é assunto para a parte IV.

3 comentários:

  1. Aeh cara parabens belo trabalho, pois isso aqui no brasil é pouco difundido e é uma cultura muito interessante valew vou ler seu post no meu e-book, posta tambem sobre o homem arranha.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Anônimo pelos elogios, cara, eu já cheguei a falar sobre o Homem-Aranha no blog devido aos seus crossovers com Superman e Batman, mas o blog é dedicado ao Universo DC e Homem-Aranha é da Marvel, vou ver o que posso fazer ok ;D

    Seja bem-vindo =D

    ResponderExcluir
  3. pow o dr. meia-noite morreu. que pena...

    ResponderExcluir

Maniacos por DC Comics, poste aqui sua opnião!